SIGA-NOS NA PÁGINA DE FÃS FAÇA GOSTO

ACHOU O SITE INTERESSANTE?FAÇA G+1

Marque Consulta

Psicoterapia Lisboa

Ligue
914375055
961404950
ou Preencha o Formulário



Valores Consulta Psicologia e Psicoterapia

Psicoterapia Individual:

€35Adultos

Terapia de Casal e Familiar

€50Terapia Familiar
€40Terapia Casal

Divorcio dos Pais

Principais Características

Uma das partes mais difíceis do divórcio é a mudança.

Seja qual for a sua situação ou experiência, a vida vai mudar para si e para os seus filhos.

Uma das maiores preocupações dos pais é a forma como o divórcio vai afectar os seus filhos.

O divórcio nas crianças não origina anos de problemas emocionais ou perturbações ao longo da vida. A exposição ao conflito parental constante e as situações familiares perturbadoras, porém, podem afectar negativamente a vida das crianças.

A sua qualidade de vida e a qualidade de vida dos seus filhos não têm que ser comprometidas com o divórcio.

O divórcio deixa-nos emocionalmente vulneráveis pelo que a nossa tendência é concentrarmo-nos nas coisas que não podemos alterar em vez de lutarmos pelo que podemos mudar.

Ao passarem pelo processo de divórcio, na maioria das vezes os pais precisam de ajuda para:
  • ganharem perspectiva sobre a situação.
  • desenvolverem soluções práticas para problemas difíceis.
  • equacionarem várias possibilidades para a gestão da mudança.
  • focalizarem-se nos seus pontos fortes como pai ou como mãe e como pessoas.
  • saírem da posição de impotência para voltar a sentir que controlam a sua vida.
Explicar às crianças uma separação também não é fácil e a linguagem deve ser adequada à faixa etária da criança.

Muitos pais lutam com a questão de procurar ajuda para os filhos, pois não sabem se o comportamento da criança é normal face à situação. Por vezes, também sentem que são eles os culpados da mudança e portanto são os responsáveis pelas sequelas, e que é sua obrigação e responsabilidade tomar conta da situação.

Se vir que estes comportamentos persistem e que as chamadas de atenção estão a comprometer o desenvolvimento saudável da criança, procure ajude da psicologia.

Deixe que a psicóloga ajude a mediar esta dificuldade.